2.894.453 acessos
associe_se
crirs

Notícias

Comissão das entidades representativas dos Registros de Imóveis do Estado reúne-se com a Corregedoria-Geral do RS

Na tarde de terça-feira (12.02), representantes do Colégio Registral e do Instituto de Registro Imobiliário do Rio Grande do Sul (IRIRGS) reuniram-se com o juiz-corregedor, Maurício Ramires, para discutirem a criação de um diário eletrônico para publicação de editais pertinentes à área. O encontro aconteceu no palácio da Justiça do Estado, sede da Corregedoria-Geral da Justiça do Rio Grande do Sul (CGJ-RS).

“Estamos caminhando para um sistema eletrônico e de digitalização, com o objetivo de adotar, também no Rio Grande do Sul, o sistema de Editais Eletrônicos referentes às publicações dos atos da classe, como no modelo nacional, e para isso poderíamos usar o já existente sistema do Instituto de Registro Imobiliário do Brasil”, comentou o presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul, João Pedro Lamana Paiva.

Paiva refere-se ao Diário Eletrônico do Sistema de Registro de Imóveis (DSREI), criado em 5 de novembro de 2018, que objetiva a ampla publicidade e divulgação de editais relativos às atividades registrais imobiliárias, objetivando maior segurança, redução de custos com publicações de editais e de outros atos, com o fim de atribuição de publicidade oficial.

Para o juiz-corregedor, Maurício Ramires, não há empecilhos para a implementação da sistemática no Rio Grande do Sul, tendo em vista a “iminente digitalização dos procedimentos com o avanço, irredutível, da tecnologia” em todas as áreas. “Já implementamos isso para o Instituto de Estudos de Protestos do Estado (IEPRO/RS), não vejo porque a mesma sistemática não poderia ser adotada pelos registradores de imóveis”, pontuou o magistrado.

Ao final da reunião, uma minuta de Provimento foi solicitada pelo juiz-corregedor aos representantes da classe, para que então seja dada continuidade aos estudos que viabilizarão a regulamentação da prática no Estado.

Estiveram presentes na reunião o juiz-corregedor, Maurício Ramires, o presidente do Colégio Registral do Rio Grande do Sul, João Pedro Lamana Paiva, o diretor de Informática da entidade, Paulo Ávila, o presidente do Instituto Imobiliário do Rio Grande do Sul (IRIRGS), Claudio Nunes Grecco e os coordenadores de correição, Sheila Bernardes Paulo e Sander Cassepp Fonseca.

Fonte: Assessoria de imprensa

13/02/2019