20 de março de 2008

Arpen SP vai a Porto Alegre conhecer os Centros de Registro de Veículos Automotores do RS

Sessão de Fotos Relacionada: Arpen SP vai a Porto Alegre conhecer os CRVAs


Os representantes da Arpen-SP, João Baptista Martelleto e Luiz Orlando Segalla ao lado de registradores civis gaúchos e cariocas durante visita aos CRVAs no Rio Grande do Sul

Porto Alegre (RS) – Na última terça-feira (18/03), a Arpen-SP, representada pelo assessor especial da presidência e Oficial do 9° Subdistrito da Capital, na Vila Mariana, João Baptista Marteletto, e pelo Oficial do Luiz Orlando de Barros Segala, do 16º Subdistrito da Capital, no bairro Mooca, esteve em Porto Alegre-RS para conhecer os Centros de Registro de Veículos Automotores (CRVAs) do estado.

O CRVA é um serviço licenciado pelo Detran estadual e vinculado aos cartórios de registro civil das pessoas naturais do Rio Grande do Sul, e oferece desde a análise, consulta e emissão de documentação veicular até a vistoria dos automóveis e lacração de placas automotivas.

Em visita a duas serventias conveniadas da capital gaúcha, os oficiais puderam acompanhar todas as etapas dos serviços prestados pelos cartórios de registro civil gaúchos. Assistidos pelo presidente do Sindicato dos Registradores Públicos do RS (Sindiregis), Calixto Wenzel, e em companhia do presidente da Arpen-RJ, Cláudio de Freitas Figueiredo Almeida, que também esteve presente ao encontro, Marteletto e Segala percorreram o CRVA do Ofício do Registro Civil das Pessoas Naturais da 1ª Zona, do qual Wenzel é titular.

Com 25 profissionais, o CRVA do centro da cidade faz centenas de atendimentos diários. Divididos em diferentes departamentos: atendimento, inclusão e processamento de dados e vistoria, o trabalho revelou-se veloz e bastante eficiente. A partir do observado, Almeida concluiu que o serviço proporciona melhoria à população e ânimo aos oficiais. “Quem não tem orgulho em prestar um serviço público eficiente e de qualidade, que antes era visto com certa preocupação?”, questiona.

Em seguida, os oficiais seguiram para o CRVA do Ofício de Registro das Pessoas Naturais da 6ª Zona, sob a responsabilidade do oficial Carlos Fernando Reis. Registro de nascimento, casamento, óbito, transferência de veículo, primeiro emplacamento são apenas alguns dos serviços oferecidos no prédio que recebe diariamente cerca de 600 pessoas, das quais 450 à procura do CRVA. São 29 funcionários no atendimento aos novos serviços e quatro designados para os serviços cartorários do registro civil.

“Tivemos uma ótima impressão a respeito do trabalho desenvolvido. É impressionante a forma pela qual os oficiais administram as transferências, além da praticidade e agilidade que o sistema oferece”, revela Marteletto. Para Segala, o mais importante foi a troca de conhecimento entre os oficiais de outros estados, já que no encontro havia registradores gaúchos e cariocas. “Nossa visita foi bastante produtiva. Além de conhecer a experiência do Rio Grande do Sul, pudemos trocar experiências com oficiais do Rio de Janeiro”, destacou.

“Fomos muito bem recepcionados pelo Sindicato dos Registradores Públicos do Rio Grande do Sul, na pessoa do presidente e demais personalidades. Foi um momento auspicioso”, finalizou Marteletto. Também acompanharam os registradores paulistas os oficiais gaúchos Romário Mezzari, do Ofício dos Registros Especiais de Montenegro e Edison Ferreira Espindola, de Registros Públicos de Redentora.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Arpen-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *