22 de maio de 2020

Ferramenta on-line do Cori-BR já realizou mais de 160 agendamentos no RS

Lançada recentemente pelo Colégio de Registro de Imóveis do Brasil (Cori-BR), entidade que congrega os Registradores de Imóveis do Brasil, a plataforma on-line de plantão eletrônico já realizou mais de 160 agendamentos no Rio Grande do Sul, desde o seu lançamento. Trata-se de um serviço gratuito disponibilizado no site da instituição para que usuários contatem os Registros de Imóveis do País de forma on-line, com a possibilidade de agendamento de data e hora para atendimentos. Conheça: www.registrodeimoveis.org.br/plantao-eletronico.

Além dos 160 agendamentos de atendimento, também foram realizados seis agendamentos para entrega de documentos no Rio Grande do Sul. O cartório que mais está utilizando é o Serviço Registral de Xangri-Lá.

Sérgio Ávila, vice-presidente do Cori-BR, explica que todos os 3.545 cartórios de Registro de Imóveis do Brasil estão operando o plantão eletrônico. “Por meio deste serviço o cidadão pode enviar mensagens e documentos para o cartório, ou agendar o seu atendimento, a partir da seleção dos horários disponibilizados. A serventia faz a análise e confirma o atendimento com hora marcada, presencial ou virtual. É possível utilizar videoconferência, WhatsApp Business, e-mail ou telefone”, disse.

O agendamento para os atendimentos presenciais nos Registros de Imóveis do País pode ser utilizado gratuitamente por qualquer pessoa. Por meio de um formulário (disponível no link: www.registrodeimoveis.org.br/plantao-eletronico), o usuário realiza o agendamento, informando seus dados, selecionando o tipo de atendimento, o cartório em que deseja ser atendido, a data e o horário de sua preferência.

O objetivo da ferramenta é facilitar a comunicação entre os usuários e os cartórios de Registro de Imóveis. “Em situação de pandemia, em que todos devemos nos ajudar, o Registro de Imóveis deve colaborar. Estamos aprofundando a prestação dos serviços de forma eletrônica. O plantão eletrônico, que é obrigatório de acordo com o Provimento nº 95/2020 do Conselho Nacional de Justiça, atende o cidadão tal como se estivesse no cartório”, disse Ávila.

De acordo com o vice-presidente, o Cori-BR também administra o portal www.registrodeimoveis.org.br, que nasceu com a finalidade de integrar as centrais de serviços e ser ponto de referência para cidadãos, mercado imobiliário e setor público.

“O portal já conta com a base de transações imobiliárias, que torna o Registro de Imóveis mais transparente, e, assim, contribui com a melhoria do ambiente de negócios imobiliário. Com mais informação, aumenta-se a liquidez dos imóveis, o mercado pode alocar os recursos de maneira mais eficiente e são reduzidas as assimetrias de informação. Esse é um novo produto do Registro de Imóveis do Brasil, que tem no fornecimento de informações ao mercado uma vertente promissora e estrategicamente importante para que sejamos percebidos de forma positiva pela sociedade”, comentou.

Para saber mais sobre a ferramenta de plantão eletrônico, confira o vídeo, clicando aqui.

É possível também acessar um manual com tutorial sobre como utilizar o serviço. Confira clicando aqui.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa