8 de setembro de 2020

Projeto 40 Anos Fazendo História entrevista Eva Lampert – Sócia-fundadora do Colégio Registral do RS

#40anoscolégioregistraldors

Para marcar seus 40 anos em 2020, o Colégio Registral do Rio Grande do Sul está contando um pouco de sua história e de sua atuação, por meio da vivência de importantes pessoas que contribuíram para seu desenvolvimento, como os sócios-fundadores. O objetivo é compartilhar experiências e homenagear a relevante participação destas pessoas, para mantermos vivas as memórias da instituição.

Confira abaixo a entrevista com a sócia-fundadora Eva Catharina Lampert da Silva, registradora do cartório de Registros Públicos e Tabelionato de Protesto de Títulos de Canela (RS) e associada ao Colégio Registral do RS desde sua fundação.

 

Sócia-fundadora Eva Lampert em frente à sua serventia, em Canela (RS)

 

Colégio Registral do RS – Como se sente em fazer parte dos 40 anos de história do Colégio Registral do RS, sendo parte fundamental de sua instituição?

Eva Lampert – “Sinto-me muito honrada e orgulhosa por termos criado esta entidade de classe – Colégio Registral do Rio Grande do Sul – que tantos benefícios traz à classe registral”.

 

Colégio Registral do RS – Quais foram as suas principais participações na criação da entidade e na construção de seus feitos?

Eva Lampert – “Participar ativamente dos encontros, durante todos os anos, no mês de outubro, em cidades ou capitais da Federação, em companhia de colegas de todo o território nacional, em busca de modernidade e unificação dos serviços registrais, entre outras”.

 

Colégio Registral do RS – Na sua opinião, quais as maiores conquistas da entidade para a classe registral nestes 40 anos de atuação?

Eva Lampert – “Muita modernidade e acompanhamento da atual situação, com respeito às normas para melhorar nossos serviços. Tudo isso graças a força de colegas que dedicam todo seu tempo em estudar”.

 

Colégio Registral do RS – Para a senhora, qual é a importância do Colégio Registral do RS para a classe registral gaúcha?

Eva Lampert – “Importantíssima. É uma entidade/associação com grande credibilidade junto aos nossos superiores (como a Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Rio Grande do Sul – CGJ/RS – e o Conselho Nacional de Justiça – CNJ)”.

 

Colégio Registral do RS – Qual sua visão sobre a atividade extrajudicial atualmente?

Eva Lampert – “A atividade extrajudicial é de grande benefício à população. Hoje, enfrentamos muitos desafios, porém, estamos sempre em busca da modernização e de proporcionar segurança jurídica a todos”.

 

Colégio Registral do RS – E seu recado para quem nos lê?

Eva Lampert – “Parabenizar as diretorias, anteriores e atual, agora em seus 40 anos de existência, e desejar a mesma sorte e melhoraria de nossos serviços, tendo Deus no comando”.

 

Fonte: Caroline Paiva
Assessoria de Imprensa – Colégio Registral do RS